sábado, outubro 23Campos Altos - Minas Gerais - Brasil
Shadow

Opinião do Mecânico: Mercedes-Benz C180, Vale a Pena?

Adquirir um carro usado importado ou um carro nacional de alto valor agregado, exige alguns cuidados e neste caso, falamos um pouco da do Mercedes-Benz C180 da geração w205

Mercedes-Benz_C180 vale a pena_bx

A quinta geração do Mercedes-Benz série C, começou a ser produzida em 2014. Após dois anos, sua produção foi nacionalizada e o modelo passou a ser fabricado em Iracemápolis, interior do estado de São Paulo.

O C180 é o modelo de entrada do sedã médio. Com a nacionalização do modelo em 2016, também chegou uma atualização do motor do modelo, denominado M274DE16 e este motor recebeu a tecnologia flexível de combustível, podendo ser abastecido com gasolina, etanol ou a mistura de ambos. Para atender a demanda, foram adotados novos bicos injetores com maior vazão, mudança na taxa de compressão, proteção contra corrosão no tanque de combustível e mangueiras de combustível com material apropriado.

M274DE16
Motor M274DE16

Este motor de quatro cilindros, 1595 cm3, foi equipado com injeção direta, turbocompressor e possui 10,3:1 de taxa de compressão, entregando 156 cv a 5300 rpm e 25,5 kgfm de torque a apenas 1200 rpm, associado ao câmbio automático de sete velocidades é suficiente para mover o sedã de 1425 kg de 0-100 km/h em apenas 8,5 segundos.

Os números e o fato de ser um modelo nacionalizado atraem compradores que podem adquirir o modelo 2016 a partir de 106 mil reais (tabela Fipe abr./2021). Porém, como todo veículo com mais de três anos de uso, merece alguns cuidados na hora de adquiri-lo.

A média de avaliação dos proprietários do ano/modelo do veículo no site Carros Na Web é cerca de 7,88, ganhando destaque para os itens: estilo, acabamento, posição de dirigir, equipamentos, espaço interno, consumo, estabilidade, câmbio e freios. O principal ponto de atenção segundo a opinião dos donos é em relação à sua suspensão, com diversos casos de queixas por ruídos e desgaste prematuro de peças.

Na opinião do Wagner, proprietário da oficina Royal Motor Sport o motor M274DE16 é uma boa evolução em relação ao M271 que costumava apresentar problemas nas polias de cabeçote. No motor M274 o problema das polias foi resolvido e não há tantos relatos de defeitos prematuros.

A economia é um ponto de destaque para Wagner e também a utilização de um câmbio automático com conversor de torque é ponto positivo, pois demanda a menor manutenção se comparado a câmbios de dupla embreagem.

vista explodida - c180 w205
Fonte: Divulgação

As peças de suspensão costumam ser caras e possuem muitos componentes, para Wagner, também é um ponto de atenção, assim como na opinião dos proprietários. “Na hora de comprar uma Mercedes dessa carroceria, apesar de não quebrar com facilidade, é importante verificar se as revisões foram feitas dentro do prazo”. Alguns proprietários optam pela troca de amortecedores que possui um sistema composto por três peças que costumam apresentar folga da haste, pelo sistema convencional, porém o processo não é recomendado pelo fabricante.

Fique atento também para as trocas de óleo, que devem ser feitas com a especificação correta indicada pela Mercedes e seu filtro possui anéis que devem ser substituídos junto com o filtro, além de torque específico para fixá-lo. Separamos o conteúdo de quatro reparadores que relatam desde a opinião sobre o veículo como também orçamento e manutenção. Veja a seguir.

Confira a a avaliação da Oficina Royal Motor Sport sobre o Mercedes-Benz C180 W205

Deixe um comentário